10 janeiro 2010

Jesus, o Fariseu e a Mulher Pecadora



Convidado por um dos fariseus para jantar, Jesus foi à casa dele e reclinou-se à mesa. Ao saber que Jesus estava comendo na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma ‘pecadora’, trouxe um frasco de alabastro com perfume, e se colocou atrás de Jesus, a seus pés. Chorando, começou a molhar-lhe os pés com as suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume. Lc 7:36-38


• Nossa história tem três personagens: Jesus, um fariseu e uma mulher;
• Ela se passa na casa do fariseu (Simão) durante um jantar especial;
• Ao que parece, era um jantar formal, pois Jesus tomou lugar à mesa;
• É possível que Jesus tenha sido convidado após uma exposição das Escrituras;
• Jesus foi convidado pelo fariseu, mas a mulher não fazia parte dessa lista;
• A mulher era conhecida na cidade, provavelmente uma prostituta.


...O portão do jardim, e a porta... estão abertos... Uma mesa longa e baixa, ou mais freqüentemente apenas os grandes pratos de madeira são colocado ao longo do centro da sala, e divãs baixos de ambos os lados, nos quais os hóspedes, colocados segundo a ordem da sua posição, reclinam-se, apoiando-se no cotovelo esquerdo, com os pés afastados da mesa. Ao chegar, todos tiram as sandálias ou chinelos, e os deixam à porta... Os servos ficam de pé, por detrás dos divãs e colocando uma bacia rasa e larga no chão, derramam água sobre os pés dos hóspedes


• Algumas cortesias são esperadas pelos hóspedes hoje em dia: cumprimentos de mãos, beijos na face, uma palavra de bem vindo, a indicação e um lugar para sentar;
• Algumas cortesias eram esperadas pelos hóspedes naquele tempo: um beijo de saudação, água para lavar os pés e óleo para ungir a cabeça.
• Os rituais de recepção de hóspedes foram grosseiramente omitidos por Simão em relação a Jesus;



...certa mulher daquela cidade, uma ‘pecadora’, trouxe um frasco de alabastro com perfume, e se colocou atrás de Jesus, a seus pés. Chorando, começou a molhar-lhe os pés com as suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume. Lc 7:37


• Entra em cena a mulher pecadora, conhecida de todos: da cidade, de Simão e de Jesus;


Trouxe o perfume... Colocou-se atrás, aos pés de Jesus... Chorou
Enxugou com os cabelos, beijou-os e ungiu com o perfume


• Por que Simão convidou o mestre e negou-lhe as boas vindas?
• As cenas seguintes apontam para algum tipo de teste ou avaliação
• Então, Simão revela-se:


Ao ver isso, o fariseu que o havia convidado disse a si mesmo: "Se este homem fosse profeta, saberia quem nele está tocando e que tipo de mulher ela é: uma ‘pecadora’ ". Lc 7:37-39


• Profetas não se aproximam de pecadores.
• Jesus não é profeta.
• Eu acertei em não lhe dar boas vindas de profeta.
o Pecadores são incapazes de amar.
o Essa mulher é uma pecadora.
o O que ela fez não deve ser aceito.


JESUS: Respondeu-lhe Jesus: "Simão, tenho algo a lhe dizer".

SIMÃO: "Dize, Mestre", disse ele.


PARÁBOLA: "Dois homens deviam a certo credor. Um lhe devia quinhentos denários e o outro, cinqüenta. Nenhum dos dois tinha com que lhe pagar, por isso perdoou a dívida a ambos. Qual deles o amará mais? "


SIMÃO: Simão respondeu: "Suponho que aquele a quem foi perdoada a dívida maior".

JESUS: "Você julgou bem", disse Jesus. Lc 7:40-43


• Ficou claro que Simão tinha uma visão correta sobre si
• Então, Jesus apresentou um espelho em forma de história.
• Dois homens: ambos são devedores; ambos não tinham como pagar; ambos foram agraciados.
• Aquele que tinha a maior dívida amou mais profundamente.
• Julgando outros, Ele conseguiu avaliar corretamente.
• Simão estava pronto para olhar para si mesmo.


Em seguida, virou-se para a mulher e disse a Simão: "Vê esta mulher?


Entrei em sua casa, mas você não me deu água para lavar os pés; ela, porém, molhou os meus pés com as suas lágrimas e os enxugou com os seus cabelos.
Você não me saudou com um beijo, mas esta mulher, desde que entrei aqui, não parou de beijar os meus pés.
Você não ungiu a minha cabeça com óleo, mas ela derramou perfume nos meus pés.


• Esta mulher é como o devedor maior; você é como o devedor menor.
• Ambos são devedores. Ambos não têm como pagar. Ambos podem ser agraciados com perdão.
• Ela sabe que é uma grande devedora; mas você acha que deve só um pouco.
• Ela lamenta por sua pobreza; mas você se orgulha de sua riqueza
• Ela está grata a Deus pelo perdão de suas dívidas; mas você se acha capaz de pagar o que deve;


Portanto, eu lhe digo, os muitos pecados dela lhe foram perdoados, pelo que ela amou muito. Mas aquele a quem pouco foi perdoado, pouco ama".


• Não se escandalize com as expressões de amor dela, Simão. Isso é resultado da gratidão que ela tem a Deus por haver sido perdoada;
• Não se escandalize quando um pecador perdoado quebra as normas sociais e religiosas para demonstrar sua gratidão a Deus;
• Não acuse aqueles que vieram da morte para vida quando eles, sem se conter, se rebelarem contra os ritos, cerimônias e tradições apenas para afirmar o quanto amam o Senhor;
• Você; Simão, não é capaz desses atos de amor. Isso porque você não compreendeu ainda o tamanho da sua dívida e a extensão do amor de Deus.


Então Jesus disse a ela: "Seus pecados estão perdoados". (Lc 7:44-48)


• Se você reconhece o tamanho da sua dívida para com Deus e o quão necessitado de perdão você é, saiba que o Senhor tem o desejo de dizer hoje para você o mesmo que ele afirmou para aquela mulher: seus pecados estão perdoados


Os outros convidados começaram a perguntar: "Quem é este que até perdoa pecados? " Jesus disse à mulher: "Sua fé a salvou; vá em paz". Lc 7:49,50


• Se você está aqui, no meio do banquete, perguntando para si mesmo quem é este que até perdoa pecados. Eu quero lhe dizer que ele é Jesus, o filho de Deus.

- Sua religião não pagará suas dívidas;
- As muitas missas e cultos assistidos na pagarão suas dívidas;
- As promessas cumpridas e os terços rezados não pagarão suas dívidas;
- As orações sem fim, correntes, novenas e preces poderosas não pagarão suas dívidas.

• Apenas Jesus pode fazer isso. E ele já pagou.
• Você precisa deixar-se alcançar pela Maravilhosa Graça de Deus e receber pela fé aquilo que jamais vai alcançar por seu esforço próprio.
• Se você quer abrir mão do penoso esforço de tentar ser certinho quando Deus lhe quer perfeito... Se você quer para de entregar moedinhas para pagar uma dívida de milhões...Hoje o Senhor quer dizer para você o mesmo que ele disse àquela mulher: sua fé a salvou; vá em paz.
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Disqus for Mensagens e Pregações